.Homem é preso por alertar sobre blitz policial no WhatsApp

Um comerciante do município de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, foi parar na cadeia por uma atitude relativamente comum. Nesta semana, o homem foi detido após alertar em um grupo do WhatsApp sobre a realização de uma blitz da Polícia Militar na cidade.

O vendedor de cachorro-quente no bairro São Jorge, enviou mensagens pelo aplicativo assim que percebeu a movimentação dos policiais na região. "Novamente barreira", "avisarei quando forem embora", teria escrito o homem, noticia o Yahoo.

A mensagem acabou chegando até um policial militar, que a repassou o texto para os colegas de profissão que estavam trabalhando. O comerciante foi identificado e encaminhado à delegacia, onde foi detido em flagrante por atrapalhar o trabalho da polícia, como descrito no artigo 265 do Código Penal.

O celular foi apreendido como prova. O comerciante foi liberado, por não possuir antecedentes criminais. Ele responderá em liberdade por atentar contra a segurança e a pena máxima para o crime é de cinco anos de reclusão.


Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário