Mundial de Basquete: Brasil dá show, bate Irã e conquista segundo triunfo

Neste domingo, a Seleção Brasileira enfrentou o Irã em Granada pela segunda rodada da Copa do Mundo de Basquete. As equipes haviam disputado um amistoso preparatório no Torneio Internacional da Eslovênia nos últimos dias, onde o time verde-amarelo triunfou por 92 a 52. Com um início de jogo conturbado, o Brasil preocupou os torcedores, mas logo se reabilitou e venceu com facilidade por 79 a 50.

O cestinha do Brasil foi Alex Garcia, que anotou 12 pontos e pegou três rebotes. Leandrinho Barbosa foi o responsável por 11 pontos, e Tiago Splitter saiu de quadra com dez pontos e seis rebotes. Anderson Varejão também apanhou seis rebotes, mas fez apenas quatro pontos. 

O cestinha do duelo saiu do lado do Irã: Jamshidi anotou 13 pontos, pegou dois rebotes e deu duas assistências. Kamrani também se destacou, com 11 pontos marcados. 

Depois de ter superado a França por 65 a 63, o Brasil chega a seu segundo triunfo no Mundial e vai encaminhando a classificação para as oitavas de final. No Grupo A, se a Espanha confirmar o favoritismo e vencer todos os jogos, então Brasil, França e Sérvia disputariam os postos dois, três e quatro do grupo – em tese, Egito e Irã têm poucas chances.

O próximo desafio da Seleção será diante da anfitriã Espanha, nesta segunda, às 17h (de Brasília). Já o Irã encara a Sérvia às 10h30 (de Brasília).

O jogo - A Seleção Brasileira não começou bem e, pressionada pela defesa individual do Irã, cedeu vários contra-ataques para a equipe adversária, que abriu 13 a 5 nos primeiros minutos e obrigou o técnico Ruben Magnano a pedir tempo. O treinador mudou a defesa para individual e o Brasil nivelou o duelo, passou a segurar os ataques e buscou o empate com direito a uma bela cesta de três de Larry Taylor. Mas faltando 2m20, o Irã devolveu a bola de três e voltou a ficar na frente no placar, mas logo Alex converteu quatro lances livres e, em jogada individual, fez a bandeja e colocou o Brasil na frente por 17 a 16, mas o Irã converteu mais uma e venceu a primeira parcial por 18 a 17.

O começo do segundo quarto foi disputado ponto a ponto e as equipes trocaram lideranças várias vezes. Nenê anotou uma cesta e colocou o Brasil na frente. Raulzinho cortou o defensor e tomou um toco espetacular de Kazemi. O Irã voltou a ficar na frente, mas Alex e Nenê anotaram duas bandejas seguidas e colocaram o Brasil na frente de novo. Uma cravada do pivô brasileiro após receber um lindo passe por trás das costas de Raulzinho aumentou a vantagem e a confiança da Seleção, que seguiu pontuando e disparou no marcador, vencendo o primeiro tempo por 40 a 24.

O segundo tempo foi um show à parte. O Brasil voltou ajustado dos vestiários e mostrou um basquete entrosado, com belas jogadas e assistências, e foi aos poucos alargando a vantagem no marcador. Destaque para a roubada de bola de Leandrinho com passe rápido para Huertas e cesta de Varejão na ponte aérea. Completamente dominado, o Irã marcou apenas 12 pontos no terceiro quarto, e empurrado pela torcida, o Brasil venceu o período por 61 a 36.

No último quarto, o Brasil demonstrou raça e finalizou o passeio sobre o Irã com atletas da NBB em quadra, pois Magnano optou por poupar os jogadores da NBA como Varejão e Splitter. Hettsheimer recebeu um belo passe de Marcelinho Machado e enterrou, fechando com chave de ouro o triunfo por 79 a 50. O Brasil teve um ótimo aproveitamento, convertendo 61% dos arremessos de dois pontos e 33% dos chutes de três. 

Confira os resultados deste domingo pela segunda rodada do Mundial:

Sérvia 73 x 74 França
Finlândia 81 x 76 Ucrânia
Eslovênia 89 x 68 México
Senegal 82 x 75 Porto Rico

Revista Novo Perfil on line
Fonte: Gazeta Esportiva
Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário